Para Que Serve o Time Cap?

Time cap é  um termo utilizado para definir um limite de tempo para a realização de um determinado WOD. Essa ferramenta foi criada com o inicio das competições de CrossFit e apesar de ter se tornado popular em muitos boxes poucos entendem sua real importância.
Assine nossa newsletter e saiba das novidades do Bars ‘N’ Rings
Time cap como ferramenta de administração de tempo

O principal motivo para o surgimento do time cap foi a capacidade de administrar a duração de um wod. Em campeonatos ou mesmo dentro de ginásios lotados é fundamental que se tenha controle de quando uma bateria vai acabar para se iniciar a outra, para que a competição ou as aulas terminem no horário.

Como essa utilização pressupõe entender a velocidade média de um grupo para terminar um WOD ou o tempo que uma grande maioria dos alunos finalizará a tarefa, ele acabou adotando outra função muito mais nobre e interessante.

Time cap como regulador de intensidade

Como já foi explicado em um artigo anterior existe uma relação inversamente proporcional entre intensidade e volume. Não é possível realizar um WOD de meia hora de duração com a mesma intensidade de um evento de cinco minutos e cada um desses dois tipos de treino levam a adaptações metabólicas diferentes.

Entendendo o antagonismo entre volume e intensidade é possível perceber que o time cap pode ter outra importante função que é delimitar qual deve ser o grau de esforço dos atletas no WOD evitando que eles se poupem demais afim de terminar todas as repetições.

Não há vergonha alguma em não terminar um WOD devido ao seu time cap.
Não há vergonha alguma em não terminar um WOD devido ao seu time cap.

Além disso o time cap bem planejado garante que um atleta não ultrapasse um nível adequado do volume  ao seu condicionamento físico, evitando que a longo prazo ele sofra com um decréscimo de performance devido a falta de controle na periodização dos treinos. Assim a resposta para a pergunta dos alunos sobre continuar os wods depois do fim do time cap em uma periodização bem planejada e seria: “Não.” Cumprir o volume correto de repetições com a intensidade adequada é a missão do dia, a não ser que o coach perceba que há algum motivo para a queda de performance do atleta, continuar causará mais dano do que benefício.

Por isso, é importante se ter em mente que as adaptações sejam atribuídas corretamente a cada praticante, garantindo um volume mínimo de treino e impedindo que os atletas se frustrem por ter realizado apenas um pequena parte do WOD.

Apesar do time cap ter surgido como uma forma de controle do tempo ele evoluiu para uma ferramenta de periodização que deve ser manipulada de forma a garantir que os atletas sempre trabalhem de forma otimizada durante os treinos.

Se você gostou do post e  quer continuar acompanhando nossas postagens não deixe de curtir nossa página no Facebook.
facebook_like_button

Anúncios

Faça um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s